mantenha-se atualizado

Cadastre seu email para receber insights sobre estratégias digitais. Prometemos não enviar spam!


Cadastre seu email para receber insights sobre estratégias digitais. Prometemos não enviar spam!

Como aumentar o tráfego para o site da sua empresa

na categoria Marketing Digital 0 comentários
atrair tráfego para o site

Quando respondemos a uma pesquisa de satisfação, normalmente há uma pergunta mais ou menos assim: “Como você conheceu a nossa empresa?”. Esse questionamento serve, acima de tudo, para avaliar quais canais de comunicação estão tendo os resultados mais eficientes em trazer novos prospects dentro do marketing tradicional. Na internet esse mesmo sistema é avaliado através das fontes de tráfego para o site.

As informações referentes às fontes de tráfego podem ser visualizadas facilmente em ferramentas de Web Analytics – como o próprio Google Analytics ou o RD Station e Hubspot etc. Quando você chega ao painel de controle os números são separados em seis categorias:

– Orgânico: são os usuários que encontram seu site através de alguma ferramenta de busca, como o Google, Bing e Yahoo, por exemplo. Eles chegam em busca de uma resposta a alguma pergunta. Aqui a bounce rate (taxa de rejeição do seu site) depende muito da capacidade de você responder com precisão à pergunta feita pelo usuário. Por isso a escolha da palavra-chave é tão importante.

– Direto: é o tráfego dos usuários que digitaram o endereço do seu site na barra de endereços. Essa fonte já é mais qualificada, já teve algum tipo de contato positivo com a sua marca (em outras pesquisas, indicação, publicidade) e tem mais chances de seguir navegando.

– Social: esses usuários vieram de algum link do seu site postado nas redes sociais. Aqui são contabilizados tanto os links divulgados em seus canais oficiais e nas campanhas pagas, quanto os publicados por terceiros. As ferramentas de Web Analytics também oferecem a possibilidade de você ter uma análise mais detalhada e verificar exatamente de qual rede social está vindo cada uma das visitas.

– Referência: também chamado de referral, é aquele tipo de tráfego que vem por links em outros sites. Podem ser links ao longo de um texto ou até em abas de “parceiros”, “recomendações” ou alguma outra. Esse tipo de link é muito importante porque traz agregado a ele toda a credibilidade da página que lhe referenciou.

– E-mail: todos as pessoas que acessam seu site através de um link deixado em uma campanha de e-mail ou em uma newsletter são contabilizados nesta origem de tráfego.

– Pago: em síntese, são os links provenientes de suas campanhas no Google Adwords, Bing Ads etc. No entanto, se você mapear uma campanha social no Url Builders e colocar como parâmetro CPC ele pode aparecer nesta origem de tráfego.

Como gerar mais o tráfego para o site corporativo

Entender de onde está vindo o maior número de tráfego para o site é importante para avaliar quais canais se posicionam como um gargalo da sua estratégia e avaliar quais ações podem ser tomadas para tentar reverter a situação.

Por exemplo: se os outros canais estão performando bem, e apenas o seu tráfego social se mostra deficitário é interessante pensar em estratégias voltadas para essa mídia.

Separamos algumas dicas de ações que você pode tomar para aumentar o tráfego para o site da sua empresa nas seis categorias:

– Orgânico: aqui seus esforços de SEO contam muitos pontos. Isso inclui a escolha de palavras-chave (concorrência, pesquisa), avaliar em qual estágio da jornada de compra o seu usuário estará quando buscar esse termo e investir muito na produção de conteúdo. Além disso, utilizar uma estrutura Schema para catalogar os dados do seu site (como foto, texto, dados, áudio, vídeo) também auxilia muito. Outra possibilidade é escrever com o featured snipped do Google em mente, que é aquele parágrafo de resposta retirado de um texto que aparece em posição de destaque nos resultados de busca de um termo.

– Direto: para melhor o tráfego direto do seu site é importante trabalhar especialmente a autoridade e o branding da sua marca. Essas ações podem ser de pós-venda, publicidade tradicional, campanhas de display ou de participação em eventos.

– Social: esse tipo de tráfego para o site é muito influenciado pelo engajamento do conteúdo que ele oferece. Repensar a estratégia de participação nas redes sociais (como frequência, tipo de conteúdo divulgado, linguagem) assim como as campanhas que você está promovendo são algumas das ações recomendadas para aumentar o número de visitantes por esse canal.

– Referencial: produzir guest posts, manter um contato estreito com influenciadores no seu setor de atuação e trabalhar para aumentar o link building do seu site são as maneiras mais eficientes de otimizar esse tipo de origem de tráfego.

– E-mail marketing: após uma higienização dos contatos no seu mailing, repense a segmentação que você utiliza para enviar os seus fluxos de nutrição e campanhas. Quanto mais assertivos eles forem e mais diretamente falarem com as dores daquele usuário, mais chances de os seus disparos de e-mail terem uma conversão maior.

– Pago: para aumentar o número de visitantes para essa origem de tráfego é importante reavaliar as palavras-chaves que você está utilizando nas suas campanhas, assim como a sua segmentação.

Deixe um comentário

mantenha-se atualizado

Cadastre seu email para receber insights sobre estratégias digitais. Prometemos não enviar spam!


Cadastre seu email para receber insights sobre estratégias digitais. Prometemos não enviar spam!