Como o marketing digital reduz o Custo de Aquisição de Clientes

|

Como o marketing digital reduz o Custo de Aquisição de Clientes

No marketing digital, tudo pode ser medido e avaliado. E mesmo em meio a dezenas de métricas, algumas se sobressaem pela importância. É o caso, por exemplo, do Custo de Aquisição de Clientes (CAC), que mostra o quanto o seu negócio teve de investir para conquistar cada novo consumidor.

O cálculo é feito através de uma divisão simples: o custo total de investimento (salário de vendas e marketing, ferramentas, links patrocinados, materiais impressos, viagens para negociações, treinamentos, aquisições etc.) pelo número de novos clientes.

O Custo de Aquisição de Clientes é considerado bom quando ele é menor do que o ticket médio gasto pelos consumidores da sua loja. Já em um modelo de receita recorrente (como softwares ou programas de assinatura, por exemplo), o valor tem de ser menor do que Lifetime Value  do seus clientes para ser vantajoso.

Saber o CAC exato da sua empresa é imprescindível para avaliar a rentabilidade dela e, portanto, a saúde financeira. Um CAC alto pode indicar a perda de eficiência e competitividade do seu negócio, enquanto um valor mais baixo pode demonstrar boas aplicações de estratégias e perfeito alinhamento entre suas equipes.

Essa também é uma das melhores métricas para saber como a sua estratégia de marketing está performando, ou seja, se ela está valendo a pena.

Como reduzir o Custo de Aquisição de Clientes (CAC) da minha empresa?

Por se tratar de uma razão simples, é possível diminuir o CAC de duas maneiras: diminuindo as despesas com todo o processo de aquisição e/ou aumentando o número de clientes. E em ambos os cenários o marketing digital pode auxiliar a sua empresa.

Marketing digital e a diminuição dos custos

O marketing digital diminui seu Custo de Aquisição de Clientes ao permitir que você:

– Segmente seu público e suas campanhas garantindo mais efetividade das ações;
– Tenha custos mais baixos do que os aplicados no marketing tradicional como televisão, rádio e revistas impressas;
– Crie um alinhamento mais consistente entre Marketing e Vendas e diminua o retrabalho entre as equipes;
– O modelo de Inbound sales diminui os gastos da sua equipe de Vendas ao permitir reuniões por Skype e Hangout, além da possibilidade de negociar com várias contas de forma simultânea;
– Nutra seus leads, permitindo que a sua equipe de Vendas entre em contato apenas com aqueles leads que já estão prontos para a venda, otimizando processos e tempo de profissionais;
– Possibilita a automatização de alguns processos, como disparo de campanhas, garantindo produtividade e tempo para serem usados em ações mais estratégicas.

Marketing digital e o aumento do número de clientes

– Produção de conteúdo relevante que engaja os clientes em diversos momentos da jornada de compra (desde atração até pós-venda) e os transforma em propagadores da sua marca;
– Facilitação na divulgação de conteúdo e procura em ferramentas de busca;
– Aumento de autoridade da sua marca em relação ao setor onde atua;
– Comunicação mais efetiva e controle de crises online de forma mais rápida e sistemática;
– Metodologia escalável e sustentável, uma vez que os investimentos e ações feitas continuam dando resultados mesmo meses após sua produção e divulgação.

No entanto, algumas dessas ações demoram para amadurecer e mostrar os resultados esperados para a diminuição do Custo de Aquisição de Clientes, causando desconfiança nos setores mais altos da empresa. Apesar de não ser uma estratégia a curto prazo, essa é uma metodologia mais escalável e sustentável de otimizar os custos e investimentos da sua empresa.

 

cta-e-book-como-mensurar-e-otimizar-canais-de-marketing-digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre seu e-mail para receber conteúdos